Por que trabalhar no coworking e não ter um escritório próprio? - CWK Coworking

Voltar

Por que trabalhar no coworking e não ter um escritório próprio?

Analise o comparativo que fizemos como as vantagens, características e custos de ambas opções de trabalho

AS VANTAGENS:

Quais são as vantagens de ambas as modalidades de trabalho? Obviamente que sua resposta depende muito de qual o seu objetivo, quais variáveis são mais importantes no seu negócio e qual a relevância do ambiente de trabalho dentro da sua profissão.

AMBIENTE COMPARTILHADO (COWORKING): O ambiente de um Coworking sempre será mais descontraído que uma sala própria. Isso não quer dizer que ele não seja profissional ou corporativo. Quando várias pessoas dividem o mesmo espaço, é natural que elas se interajam, que fiquem curiosas sobre as vidas das outras e seus trabalhos, então, a interação acontece naturalmente, e isso é o que torna o Coworking mais informal do que ter uma sala própria. Por outro lado, se o seu estilo for de um lobo solitário que não gosta de olhar para o lado, muito provavelmente ter uma sala própria deve te atrair mais nesse momento.

No entanto, se você se encaixa no perfil do lobo solitário acima, ainda assim temos argumentos que podem lhe atrair para dividir o ambiente de trabalho: a redução de custo operacional! Neste outro post da CWK, falamos um pouco sobre os demais serviços que um Coworking pode lhe oferecer, reduzindo seu custo: http://www.cwk.com.br/os-10-principais-servicos-que-um-espaco-de-coworking-pode-te-oferecer/

Clique aqui e peça mais informações sobre os serviços da CWK Coworking

As vantagens de um Coworking assim como as vantagens de ter um escritório próprio são muitas, dependendo do ponto de vista e dos objetivos de cada um. Citamos abaixo os três que consideramos mais importantes de cada uma das opções, para efeito de comparação:

Tabela Vantagens Coworking

Tempo de contrato reduzido:

No Coworking, o contrato é no máximo de um ano, e não tem multa contratual para cancelamento. A mobilidade do cliente é enorme, ele pode contratar os serviços tanto por hora como por ano, podendo a qualquer momento mudar o seu contrato, sem burocracia. Sem contar que não é preciso nenhuma documentação “cabulosa” para fechar o contrato. A modalidade de dividir o espaço de trabalho tem como premissa deixar o cliente livre para ir e vir quando quiser e o fidelizar por outros motivos que não sejam contratuais.

Redução de custo

Conforme já abordamos no post http://www.cwk.com.br/7-dicas-para-reduzir-custos-com-escritorio-virtual/a redução de custo operacional quando compartilhamos o ambiente de trabalho é incrivelmente assustadora. Só a redução de aluguRedução de Custoel, IPTU e condomínio já é suficiente para provar que seria muito mais vantajoso ir para um Coworking do que alugar uma sala. No entanto, vários outros custos impactam na montagem de um escritório próprio. Entre eles, podemos destacar energia elétrica, internet, telefonia e a contratação de uma recepcionista/telefonista, mesmo que algumas empresas achem que esse profissional não é necessário num escritório pequeno.

Investimento inicial zero

Recentemente, a CWK Coworking alugou outro andar no prédio que ocupamos. Além da burocracia contratual para se alugar uma sala, o investimento para coloca-las no padrão de nossa empresa ficou um terço mais caro que um ano e meio atrás, quando tivemos que fazer novos investimentos em estrutura. Como nossa estrutura é premium, todos os itens, desde o cabeamento estruturado até o acabamento da pintura, devem atender aos padrões que estabelecemos para todas as unidades. Sendo assim, o investimento inicial para se montar uma sala deve ser minuciosamente controlado, para não haver surpresas. Dentro do Coworking, a empresa já tem toda a infraestrutura montada para iniciar, na hora que quiser, sem burocracia.

Clique aqui e peça mais informações sobre os serviços da CWK Coworking

ESCRITÓRIO PRÓPRIO: Ter um escritório só seu é o objetivo de muitos profissionais que abrem seu próprio negócio e, obviamente, existem vantagens nessa modalidade de trabalho que não podem ser ignoradas. As três vantagens abaixo foram escolhidas porque podem ser comparadas com o escritório compartilhado, uma vez que o objetivo deste post é exatamente comparar as duas modalidades de trabalho. Abaixo fazemos uma breve descrição de cada vantagem do escritório próprio.

Captura de Tela 2015-09-28 às 19.08.28

Privacidade

Ok, isso é meio obvio, ter um escritório próprio vai sempre te dar mais privacidade, pois todos ali estão trabalhando para a mesma empresa e conversando a mesma língua num objetivo comum. Mas aqui queremos chamar atenção para as funções que dependem da privacidade para realização do seu trabalho. Por exemplo, se você faz negociações confidenciais, ou se possui um contrato de confidencialidade com seu cliente, o ambiente compartilhado pode não ser o ideal para sua empresa. Ou até mesmo se você é uma pessoa que gosta de trabalhar sozinho e não quer interagir com outras pessoas. Ainda que o Coworking possa te oferecer alguns serviços de privacidade como as salas privativas, se a sua praia não for compartilhar o ambiente, o escritório próprio é a melhor solução para sua empresa.

Personalização

Se você possui uma sala própria, a decoração da mesma, o tipo de mobília, o cor da parede serão todos de acordo com o seu gosto. Mas isso é o de menos, pois, às vezes, a estrutura física nem importa tanto. O fato mais relevante nesse item é que tendo seu próprio escritório, a personalização do seu atendimento telefônico, o jeito de servir café, a limpeza, etc., serão sempre de acordo com a vontade dos sócios. Ao passo que no ambiente compartilhado tudo já está padronizado para atender a demanda de todos. Além disso, existem regras de convivência que devem ser observadas, e não podem ser ignoradas.

Uso Ilimitado

O escritório compartilhado tem horário de funcionamento. O seu próprio escritório não tem horário fixo e estará sempre à sua disposição. Alguns coworkings vendem o uso ilimitado, 24 horas, e a CWK Coworking é uma dessas empresas. No entanto, não é bem assim! Além de você ser monitorado, pois sabemos exatamente a hora que você entrou, a hora que você saiu e o que você fez lá dentro (circuito CFTV), as suas correspondências, por exemplo, não estarão disponíveis. O telefone, se você precisar receber ligação, não estará disponível, e possivelmente você não vai saber onde está o envelope ou o material de limpeza se você precisar. O uso ilimitado do espaço de Coworking nunca vai se equiparar a liberdade de usar o seu próprio escritório.

AS CARACTERÍSTICAS:

Características não são necessariamente vantagens, e por isso separamos esses dois itens. As características de cada ambiente são fatos já mensurados e provados. Obviamente que tudo pode ser questionado, mas acreditamos fielmente nas características a seguir:

AMBIENTE COMPARTILHADO (COWORKING): Algumas pesquisas já foram realizadas pela Deskmag – portal mundialmente reconhecido sobre Coworking, e alguns fatores são essenciais quando se considera o trabalho dentro de um espaço de Coworking, são os principais:

Produtividade:

Dentro do ambiente compartilhado se produz mais! Parece inacreditável, mas é verdade. Isso acontece porque no ambiente compartilhado sua atenção é total no seu trabalho, e com isso sobra mais tempo para você produzir. Já é sabido que as distrações diárias do ambiente de trabalho fazem a produtividade da pessoa cair pela metade e isso não ocorre no ambiente de Coworking.

Foco na atividade fim de seu negócio:

A internet “caiu”! Você automaticamente já pensa: “Vou ter que ligar na operadora de telefonia….pronto acabou meu dia de trabalho!” No ambiente compartilhado a equipe está pronta para agir a qualquer momento que imprevistos acontecerem, sejam eles simples ou complexos. Toda essa equipe para garantir o funcionamento da empresa talvez não fosse possível num escritório próprio, pois os custos inviabilizariam a contratação. Como exemplo, temos a manutenção do PABX, a manutenção do serviço de impressão e inclusive a internet que, no caso da CWK, é dedicada e possui contrato de atendimento on-line no caso de queda do link.

Networking

Por que o networking é uma característica e não um benefício? Porque ele já está enraizado nas premissas de se usar um ambiente compartilhado. O relacionamento interpessoal acontece mesmo que você não tenha nenhum perfil para se relacionar com outras pessoas. Uma vez que você está ali trabalhando no mesmo ambiente que outros profissionais, os vendo todos os dias e tomando café na mesma cantina, obviamente você vai fazer um networking, seja pessoal ou profissional, com quem estiver ali com você, e isso é inevitável.

Clique aqui e peça mais informações sobre os serviços da CWK Coworking

ESCRITÓRIO PRÓPRIO: Várias são as características do escritório próprio, poderíamos listar tantas que deixariam os leitores provavelmente cansados de ler esse artigo até o final. Sendo assim, para equiparar ao Coworking, destacamos três características principais sobre ter um escritório próprio:

Controle sobre a operação: Para quem gosta de ter controle minucioso dos itens do seu escritório, provavelmente terá conflito com o Coworking. No escritório próprio é você quem decide seus processos operacionais, ou seja, a forma como se atende um telefonema, o papel que se usa para impressão, o tipo de café que é servido e etc. Dentro de um ambiente compartilhado, esse controle não existe, pois regras e procedimentos são pré-definidos para todos.

Isolamento interpessoal: Essa característica é criticada por muitos hoje em dia, mas não podemos julgar quem opta por ela, pois tudo é uma questão de escolha e ponto de vista. Num escritório próprio você está limitado ao relacionamento com as pessoas que dividem ele com você, sejam seus funcionários ou sócios, ao passo que no Coworking você tem a possibilidade de se relacionar com pessoas tanto do seu mercado como outras que podem muito bem se tornar seus amigos.

Custo com manutenção: Esse é um item que tem que ser delicadamente analisado se você quer ter um escritório próprio. A manutenção dele, seja a troca de uma lâmpada ou a troca do ar-condicionado que quebrou é responsabilidade sua, e pode atrapalhar todo o andamento do seu dia a dia. Uma vez um cliente nos contou que decidiu ir para o escritório compartilhado quando o único horário que a NET podia ir na empresa dele consertar a internet era o horário que ele tinha sua audiência mais importante! Óbvio que ele ficou sem internet e foi fazer a audiência. Nessas horas, estar num espaço onde toda a estrutura está à sua disposição é muito mais vantajoso.

COMPARANDO NÚMEROS: Abaixo está um comparativo básico das despesas de ter um escritório próprio ou utilizar o Coworking para realizar seus trabalhos, considerando os custos atuais e levando em consideração que os valores de alugueis têm caído a cada dia. Em compensação, a burocracia para se alugar um imóvel está cada vez mais complicada.

Outras informações podem ser lidas em nosso outro post sobre o assunto: http://www.cwk.com.br/comparativo-coworking-x-escritorio-proprio-cwkcoworking/

Escritório Próprio Coworking
Aluguel 1200 Todos serviços Incluídos
Condomínio 600
IPTU 200
Internet 130
Energia Elétrica 300
Recepcionista c/ Encargos 1700
Outros não previstos 1000
Total 5.130 Total 700

Conclusão: Acreditamos que o Coworking seja uma tendência de mercado que não mais voltará atrás. O compartilhamento atualmente é utilizado em várias áreas da vida de uma pessoa e não é atoa que ele atingiu o ambiente de trabalho também. É certo que a Europa e os Estados Unidos estão muito mais avançados nessa experiência de compartilhamento, e lá a tendência já virou fato consumado. No entanto, o Brasil está traçando um caminho muito interessante nesse sentido, e nós queremos estar muito bem preparados para quando a tendência chegar de vez por aqui.

Assista nosso vídeo: Escritório próprio ou Coworking? Entenda as diferenças

Clique aqui e peça mais informações sobre os serviços da CWK Coworking

Bruna Lofego

Bruna Lofego é administradora, formada pela UNA, com 15 anos de experiência em administração de empresas e 12 em empreendedorismo. Cursou especialização em marketing digital na ESPM e pós graduação em Marketing na UNA. Há cinco anos fundou a CWK Coworking, em expansão por todo o Brasil e se especializou na terceirização de serviços operacionais. É autora do Blog da CWK em que aborda a gestão de um espaço de coworking e empreendedorismo em geral.

Veja outros posts do autor

Fique atualizado

Receba um conteúdo exclusivo da CWK diretamente no seu e-mail.

5 respostas para “Por que trabalhar no coworking e não ter um escritório próprio?”

  1. […] questão é: vale a pena trabalhar num Coworking? Já abordamos o assunto no post: Porque trabalhar em um coworking e não ter um escritório prórpio? , no entanto, para ajuda-lo ainda mais na sua decisão, elaboramos uma calculadora simples para […]

  2. Olá,

    Estou vendo que você trabalha com produtos digitais, correto? Ou seja, é um afiliado…

    Já que você é afiliado e tem um blog, quero convidar você para participar do Tela Hot Blog! Uma oportunidade incrível de divulgar o seu blog, e o melhor de tudo é que não tem custo e os resultados vão te impressionar, eu garanto que não vai se arrepender de verdade.

    Coloque um artigo do seu blog no Tela Hot Blog, Faça um teste e se surpreenda.

    O endereço esta linkado ai no meu nome.

    Obrigado pela atenção.

    Att: Anderson Camargo.

  3. […] que um microempreendedor individual tem muitas vantagens ao trabalhar em coworking? Economia, infraestrutura de primeira e localização privilegiada são alguns dos benefícios. […]

  4. […] Isto é ruim? De forma alguma. No entanto, para quem precisa de mais silêncio a alternativa que um coworking pode oferecer são as salas privativas. O espaço é ideal para grupos que variam de 4 a 5 […]

  5. […] Se seu negócio não depende de uma grande estrutura física nem seja, por lei, obrigado a ter um espaço próprio (para armazenagem ou atendimentos específicos ao público), optar por um escritório compartilhado oferece muitos benefícios. […]

Deixe uma resposta

Assine nossa Newsletter