Voltar

4 dicas de como iniciar um empreendimento

A economia atual apresenta desafios que dependem de muita criatividade das pessoas para que tudo dê certo nos negócios. Mas a boa notícia é que o Brasil tem uma cultura empreendedora muito forte, seja pelo impulso de programas que visam a essa iniciativa ou pela própria facilidade da população em encontrar saídas diante das crises. No entanto, você saberia pontuar os caminhos básicos necessários para se dar bem em um empreendimento? Se não, separamos aqui 4 dicas simples, mas indispensáveis, que aprendemos ao longo do tempo e adquirimos como experiência, para quem quer iniciar um empreendimento.

  1. Busque a ideia do negócio

Antes de tomar qualquer decisão, é importante ter algo em mente, uma ideia que vá impulsionar o seu education-548105_1920desejo de empreender. Como temos presenciado aqui na CWK, com essas mudanças na economia, muita gente tem trilhado o caminho do próprio negócio a fim de fugir da crise, e, para isso, tornou-se necessária a familiaridade com o que vai ser comercializado ou, pelo menos, uma formação na área.

  1. Tenha um planejamento

Saber o que vai ser colocado em prática é essencial para fazer o seu empreendimento deslanchar. Podemos destacar aqui o que você deve pensar para estabelecer o melhor canal de contato com o seu público, por exemplo. Qual a forma mais eficaz de atrair novos clientes e manter aqueles que já estabeleceram a fidelização com seus produtos e serviços? Pense nisso! Planejar é necessário para evitar surpresas no futuro.

  1. Entender do seu produto/serviço

Eis aí uma parte importante e determinante no que diz respeito ao sucesso do empreendimento: entender o que se comercializa ou serviço que se presta. Saber o que o público-alvo quer e necessita é fundamental para que seus produtos e serviços tenham a garantia de adesão das pessoas. O importante é colocar sempre os anseios do seu público-alvo em primeiro lugar.

  1. Ter um dinheiro em caixa para começar

savings-box-161876_1280Esse é um detalhe de grande importância para todo empreendimento. Ter um capital que garanta o começo do seu negócio e os possíveis riscos que o mercado pode oferecer é um detalhe que conta muito. Pensar em empreender sem ter dinheiro em caixa torna qualquer negócio impraticável. Então, é essencial ter esse capital para assegurar que essa quantia reserva poderá ser bastante útil para diversos fins, inclusive para resguardar o empreendimento ou comprar mais matérias-primas que compõem o seu produto ou serviço.

E então, acredita que com esses passos básicos você consiga lançar um empreendimento?

O que você também acredita ser importante para começar a empreender? Deixe um comentário! Coloque suas dúvidas também.

Gostou? Clique aqui e entre em contato conosco

Gostou? Preparamos também um exemplo de fluxo de caixa para você preencher e conseguir se organizar antes de tomar a decisão de iniciar seu negócio.

Clique aqui e baixe sua planilha de fluxo de caixa

 

Bruna Lofego

Bruna Lofego é administradora, formada pela UNA, com 15 anos de experiência em administração de empresas e 12 em empreendedorismo. Cursou especialização em marketing digital na ESPM e pós graduação em Marketing na UNA. Há cinco anos fundou a CWK Coworking, em expansão por todo o Brasil e se especializou na terceirização de serviços operacionais. É autora do Blog da CWK em que aborda a gestão de um espaço de coworking e empreendedorismo em geral.

Veja outros posts do autor

Fique atualizado

Receba um conteúdo exclusivo da CWK diretamente no seu e-mail.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa Newsletter